Sociedade

Publicado em 27/02/2016

Mulher usa pepino em brincadeira sexual e morre sufocada

Uma mulher que era amante de um homem casado e com uma filha morreu após ser sufocada com um pepino usado como brinquedo sexual.

A dupla se encontrou na casa do homem de 46 anos, em Mannheim (Alemanha), quando a esposa e a filha dele haviam viajado.

Os dois consumiram bebida alcoólica e, animados, partiram para um momento íntimo em dos aposentos da residência. Como a amante não tinha nenhum vibrador com ela, os dois decidiram usar um pepino.

“Costumávamos usar cenouras e abobrinhas na nossa vida sexual”, contou o homem, acusado de negligência que levou a homicídio, em tribunal alemão, de acordo com o jornal “Bild”.

Em determinado momento da relação sexual, o morador pôs o longo pepino na boca da amante. Nesse momento, entretanto, um cheiro de queimado vindo da cozinha e o homem foi verificar o que estava acontecendo.

“Esqueci que havia posto um pedaço de carne no forno para o nosso cão”, explicou ele.

Ao retornar, o morador encontrou a amante inconsciente no chão. O pepino havia ficado preso na garganta dela e obstruído a via respiratória.

A mulher foi levada a um hospital próximo, entrou em coma e acabou morrendo.

“Ele deveria saber que não poderia deixar a mulher sozinha por muito tempo”, disse o promotor Reinhard Hofman.

O réu pode ser condenado a até cinco anos de prisão.

Fonte: O Globo






Back to Top ↑